Primeiro-Ministro visitou fábrica de vacinas em construção

26 de abril de 2021. O Primeiro-Ministro António Costa visitou as obras de construção da fábrica de vacinas do grupo espanhola Zendal, em Paredes de Coura. A fábrica deve estar pronta até ao final do ano, representando um investimento de 15 milhões de euros que criará, na fase de arranque, 30 postos de trabalho muito qualificados.

O Primeiro-Ministro afirmou que a construção de uma fábrica de vacinas do grupo farmacêutico sediado na Galiza, em Paredes de Coura, «significa aumentar a capacidade de, na Península, e na Europa se produzirem vacinas».

«Esta pandemia demonstrou que, não obstante a vontade política e a urgência da vacina, o grande obstáculo à vacinação está na capacidade de produção. A Europa tem uma capacidade limitada de produção de vacinas, o que é uma enorme fragilidade», disse.

António Costa referiu que «foi um grande choque para todos, pensarmos que vivemos no continente mais desenvolvido e que não temos a capacidade de produzir a barreira entre a vida e a morte quando está em causa um vírus como o do Covid-19».

Embora, «provavelmente, vamos vencer a pandemia antes desta fábrica estar concluída, este investimento não foi pensado por causa desta pandemia, mas para preparar o futuro, para que, se surgirem novas pandemias, tenhamos na Europa mais um local para aumentar a capacidade de resposta», disse também.

Compartir: